Grávida é morta a tiros e bebê precisa ser retirado em cesariana de emergência em Bento Gonçalves

Uma mulher, grávida de sete meses, foi morta a tiros em Bento Gonçalves, na noite de terça-feira (21). Após uma cesariana de emergência, o bebê foi internado na UTI Neonatal, mas não resistiu e morreu na manhã desta quarta (22). A mulher foi identificada como Andressa Weber Erbice, de 24 anos.

O crime ocorreu em uma residência no bairro Santo Antão, por volta das 21h. Conforme a Brigada Militar (BM), os suspeitos fugiram em um carro. Ao perceberem a aproximação dos policiais, eles abandonaram o veículo e fugiram a pé por um beco. 

A BM permanece procurando os suspeitos. As circunstâncias do homicídio serão investigadas pela Polícia Civil.

Fonte: G1

Compartilhe!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se você encontrar algo de carater ofensivo, por favor denuncie.

Comentários (0)


Deixe um comentário